quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Tudo posso naquele que me fortalece!

Na correria do dia a dia, não estou encontrando tempo para visitar todos os blogs amigos. Estou envolvida no projeto da construção do terreno ao fundo da casa azul. Marido e eu, resolvemos construir dois sobrados germinados... E uma amiga minha, esteticista, muito querida, resolveu adapta-los em sua clinica estética. 

Mantendo a mente ocupada e o espírito sadio.

Estou empolgada com o novo empreendimento, tentando manter minha mente o mais ocupada possível para desviar a atenção de alguns problemas que estamos passando. A gratificação de me entregar a algo que gosto de fazer (construir, edificar) é muito maior que qualquer sentimento de mágoa que possa existir contra aqueles que fizeram mal a minha família (temos a consciência de que existem pessoas que gostam de destruir, mas é realmente difícil sentir na pele a maldade do outro). Mas, não há nada, agora é trabalhar e acreditar que "Tudo posso Naquele que me Fortalece".

"Não temerei, não desistirei / eu tenho um Deus que vela pela sua palavra"
(Eyshila)

5 comentários:

  1. Vocês estão construindo os futuros lares de seus filhos?
    Mari tem um amigo que mora num apartamento enorme que seus avós construíram. São três andares, três apartamentos, para cada filho com sua família e eles são MUITO unidos. Acho bem legal.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. É Geninha,infelizmente temos sempre momentos difíceis e pessoas para torna-los mais dificil ainda. Mas se tornar ocupada foi uma ótima decisão. Espero que tudo se resolva em paz.Obrigada pelo recadinho no meu blog. Bjssss.

    ResponderExcluir
  3. Geninha, eu não sei porque as pessoas parecem que se agradam em nos deixar tristes, mas eu percebo que sempre é alguem que tem um espirito ruim, pessoa negativa e invejosa, e que infelizmente esta no nosso meio familiar, ontem mesmo eu tive uma dessas aqui em casa que tentou me tirar do sério, mas o grandioso Deus me deu forças para me calar, é por estes motivos que eu perco varias horas do dia com pessoas que eu nem conheço, as virtuais não me ofendem, não me machucam, podem até não estar sendo verdadeiras, mas as verdadeiras, as que não são virtuais, que eu tenho contato olho a olho eu preferia que fossem virtuais, para não me ferirem tanto.Desculpe o desabafo mas eu estou triste, eu queria o amor de certas pessoas, que só me desprezam. Um BJ

    ResponderExcluir
  4. Ha Geninha,tão triste o fato de ter pessoas que só vivem tentando fazer o mal ao seu próximo,isso e desanimador,mas Deus e tão maior...Tão maior.Ele tomara conta de ti e tua familia,pois você colocou nas mãos dele.
    Eu passo por isso frequentemente,aquela pessoa que você já imagina,da familia,vive me desejando o pior,tanto que vi que ela estava lendo meu Blog e exclui,mas isso tudo passa.
    Bjinhos
    Deusa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deusinha, sinto sua falta, amiga! Sinto falta dos seus textos tão iluminados e da sua alegria contagiante. Te adoro!

      Beijos!

      Excluir